quinta-feira, 10 de novembro de 2011

Centro Português

Bico de pena à nanquim, utilizando caneta de nanquim 0.4 milímetro –

pena de nanquim fina – pincel filete 00 ,

Vergê creme A4

O prédio do Centro Português em Santos é uma raridade arquitetônica, sendo uma das três edificações em estilo neomanuelino ( estilo que procurou reviver o gótico, surgiu na arquitetura e artes decorativas portuguesas, entre meados do século XIX e o início do XX, o nome manuelino, refere-se à produção artística do reinado de D. Manuel I - 1495-1521 ) existentes no Brasil, caracterizado por janelas e portas em arcos redondos, com cordas , estrelas, cruzes de Cristo e escudos reais, entre outros detalhes.

Apenas outros dois edifícios tem esse estilo no Brasil: o Gabinete Português de Literatura, de Recife ( Pernambuco) , e o Real Gabinete Português de Literatura, do Rio de Janeiro.

A inauguração da primeira sede, na Praça da República nº 11, ocorreu durante solenidade realizada em 1º de dezembro de 1895, no Theatro Guarany – no ano seguinte, passou a funcionar no número 29. A entidade foi criada com o objetivo de oferecer apoio aos portugueses, inclusive financeiro.

O prédio atual começou a ser construído em 15 de maio de 1898, com recursos levantados em leilões, tômbolas ( tipo de jogo semelhante ao bingo ) e quermesses promovidas em praça pública. Foi inaugurado em 8 de outubro de 1900, ainda incompleto. A decoração requintada, com obras de arte, é um dos destaques do prédio, sobretudo os salões Cerejeira e Camoniano (relativo ao poeta português Luiz Vaz de Camões ), cujo teto é ornado com pinturas a óleo representando episódios de Os Lusíadas. Um exemplar dessa obra de Luiz de Camões , datado de 1880, com dedicatória a Dom Pedro II, encontra-se guardado em caixa de metal , na biblioteca do Centro Português, cujo acervo totaliza 2.500 volumes.

5 comentários:

Anônimo disse...

Simplemente maravilhoso esse desenho, até porque também me faz remeter ao início do meu ofício, no escritório da cidade onde eu passava em frente a esse prédio todos os dias.
Parabéns, mestre!!
Norma

Ana Casanova disse...

Olá Netuno,

parabéns por estes trabalhos maravilhosos!
Também acho extremamente interessante o facto de nos ires falando sobre os edificios todos eles com grande importancia histórica. Um trabalho com uma grande riqueza e que demonstra também o amor que tens à tua cidade.
Gostei de "viajar" até Santos. Obrigada e um beijinho ocm amizade.

as arteiras disse...

Olá, Netuno!
Parabéns!!
Bjs!!
Márcia

professora eterna disse...

Essa homenagem à nossa querida Santos, fez-me ficar extasiada diante de uma interpretação minuciosa e perfeita de lugares de suma importância histórica, artística e arquitetônica. Deus permita que muitos possam apreciá-los, pois a arte tem que ser divulgada e dividida para todos os quais ela se destina:pessoas com uma sensibilidade exarcebada e que não cansam de admirar a beleza da nossa cidade. Beijos e parabéns, professor. Tenho orgulho de ser sua aluna e poder aprender e apreender tudo o que ensina com tanta dedicação e carinho!

LIGIA MARIA disse...

Muito interessante suas informações sobre o Centro Português. Gosto muito de saber a história dos lugares, edifícios, monumentos existentes nas cidades. Obrigada pelas informações. Parabéns pelo trabalho. Ligia M. Cerri.